Infiltração no joelho – as principais dúvidas

Infiltração no joelho - as principais dúvidas 3

Infiltração no joelho – as principais dúvidas

 

 

Infiltração-no-joelho-as-principais-dúvidas-1A infiltração no joelho com certeza é um tratamento que faz surgir muitas dúvidas na cabeça das pessoas que acham que irão fazê-lo ou até mesmo já sabem que irão, mas não foram informadas devidamente sobre o tratamento. O Doutor José Leonardo, ortopedista e especialista em joelho formado pelo Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia – INTO, que já deu dicas no Jornal do Brasil sobre como manter a saúde dos joelhos, reúne neste artigo as principais dúvidas sobre a infiltração no joelho e responderá elas a fim de desmascarar todos os mitos relacionados ao assunto.

O que é a infiltração no joelho?

A infiltração no joelho ou em qualquer outra articulação é uma injeção com medicações aplicadas no interior da articulação. O ortopedista recomenda a infiltração no joelho quando há um desgaste leve a moderado causado pela artrose ou quando o fluido sinovial não é mais o suficiente para “lubrificar” a articulação.

A infiltração no joelho é tratada para quais casos?

Na maior parte dos casos, a infiltração no joelho é indicada quando o joelho está com um problema como uma inflamação que já não pode ser tratada por remédio ou um tratamento fisioterapêutico. Ademais, nos casos de desgaste da articulação pela artrose, a infiltração também é feita, mas com diferentes medicamentos injetados na articulação.

Qual a diferença entre os principais medicamentos injetados?

Falaremos um pouco sobre os medicamentos injetados na articulação do joelho que geralmente são estes três: os anestésicos, ácido hialurônico e o corticoides.

Anestésicos

Os anestésicos são usados para amenizar a dor da aplicação da medicação. É Utilizado de rotina, tornando a infiltração nos joelhos um procedimento considerado com dor leve.

Infiltração no Joelho

 

Corticóides

Essa medicação apresenta uma melhora importante da dor, porém este alívio possui pouca durabilidade. Sua utilização visa a melhora do quadro álgico nos primeiros 15 à 20 dias, fase na qual o ácido hialurônico ainda não iniciou plenamente sua ação.

Ácido hialurônico

O ácido hialurônico é o um dos componentes do líquido articular. O ortopedista faz a viscosuplementação, processo no qual o ácido hialurônico é injetado na articulação, a fim de restaurar a concentração desta substância no interior articular. Dr José Leonardo realiza a infiltração do Acido Hialurônico de alto peso molecular, que é o tipo de ácido hialurônico com melhor resultado clínico nos trabalhos científicos realizados. Esse medicamento quando bem indicado pode trazer melhora dos sintomas por ate 24 meses da aplicação, na média a melhora dos sintomas permanece em torno de 12 mêses, podendo ser reaplicado inúmeras vezes.

A infiltração no joelho dói? Como o processo acontece?

O processo de infiltração no joelho é feito através de uma injeção asséptica aplicada diretamente no tecido articular. Antes de aplicar o medicamento de fato, a pele e a cápsula articular são anestesiadas com o intuito de diminuir a dor na hora da infiltração ser feita. Tudo isso acontece entre dois a três minutos, a infiltração no joelho é rápida e segura.

Infiltração no joelho - as principais dúvidas 3

 

Quais podem ser os efeitos colaterais da infiltração no joelho?

Logo depois da aplicação do medicamento na articulação do joelho, é normal que o paciente possua um sensação de edema articular, por isso Dr. José Leonardo recomenda repouso nas primeiras 24 horas, mas orienta sempre esticar e dobra o joelho, no intuito da medicação se espalhar por toda área articular.

Infiltração do joelho

Para voltar ao trabalho em geral em torno de 3 dias o paciente consegue retornar às suas atividades. No caso de quem pratica exercícios físicos, recomenda-se aguardar duas semanas (14 dias) até que a rotina volte ao normal.

Alguns dos possíveis, porém raros efeitos colaterais causados pelo infiltração de ácido hialurônico são: vermelhidão, inchaço e calor local, simulando um processo infeccioso, mas na grande maioria dos casos, o que ocorre é uma reação alérgica. Pacientes que possuam alergia à ovo de galinha, são contra-indicados à esse procedimento devido à chance desse processo ocorrer. O processo infeccioso também pode ocorrer, como em qualquer procedimento invasivo.

 

 

A infiltração será eficiente em mim? Quais as chances do tratamento me ajudar?

Depende. Hoje, este tratamento está indicado na literatura médica, para pacientes que apresentam artroses nos joelhos consideradas de leve à moderada. Em pacientes com artroses graves o medicamento pode ser feito, porém o resultado é menos previsivo. Portanto para prever o resultado à avaliação clínica e radiológica por um especialista na área se faz necessária.

Eu pratico esportes e sinto muitas dores articulares, devo fazer a infiltração para melhorar meu desempenho?

A infiltração articular com viscossuplementação está indicada para atletas que possuam lesões na cartilagem dos joelhos, a chamada condropatia, nesses pacientes o àcido hialurônico possúi uma boa indicação podendo melhorar o desempenho desse perfil de pacientes, pórem todo caso deve ser individualizado.

Neste artigo, o Doutor José Leonardo respondeu as principais dúvidas de pacientes que estão seguindo ou irão seguir no tratamento de infiltração no joelho. Foram esclarecidas dúvidas sobre o que é o processo de infiltração no joelho, quando ele é utilizado, quais medicamentos são injetados, quais os principais efeitos colaterais, se o tratamento dói ou não e se o tratamento era recomendado para atletas que desejam aumentar seu desempenho. Estas foram as principais dúvidas e caso você tenha uma dúvida específica que não tenha sido respondida neste texto, entre em contato com o ortopedista Dr. José Leonardo, dos telefones abaixo e marque uma avaliação.

 

CONTATO

Para agendar sua consulta preencha o formulário abaixo e entraremos em contato dentro de 1 dia útil.

Posted on 16 de dezembro de 2017 in Lesões

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top